Box Blindex ou box de vidro temperado?

Essa pergunta ainda hoje é feita, não só por leigos como por profissionais da construção civil.

O vidraceiro fala: “nessa janela tem que colocar vidro blindex, porque janelão de ferro não combina…”
Você olha e tem uma outra marca no canto do vidro.
– ”Uai, não é blindex?”
– ”É sim, senhora, é do tipo blindex”
– Então, deixe eu entender: é do tipo, mas não é blindex?
– Dona, é um blindex, mas não é da marca blindex. No fundo é tudo igual, tem diferença nenhuma não, pode levar sossegada”.

O que eu posso falar? Para quem se apega a marcas, já é motivo de confusão, pois a janela não é da marca Blindex.

Essa confusão é muito comum sabe por quê?

As duas pioneiras em vidros temperados no Brasil foram a Santa Marina que chegou ao Brasil, em 1937, e a Santa Lúcia (Blindex), em 1951.

Devido às campanhas de marketing tendo como carro-chefe seu famoso selo vermelho, a Blindex fixou sua marca na cabeça dos brasileiros como sinônimo de vidro temperado.

Essas duas empresas permaneceram sozinhas e dominaram o mercado de vidros temperados no País até a década de 80, quando começaram a surgir os primeiros fornos de têmperas independentes.

Fonte: Setor Vidreiro